quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

AME TEUS VIZINHOS

AME TEUS VIZINHOS
Leia pouco e aprenda muito


Não pense que haverá plena paz no bairro em que tu vieres a morar. O inimigo sempre levanta alguém ao nosso redor para nos atacar. Não precisa motivo, basta ser crente.

NÃO IRRITE OS TEUS VIZINHOS

Não queira impor o evangelho a ninguém. Evite colocar hinos altos para que os vizinhos ouçam, pois isso apenas fará com que eles se irritem e passem a te atacar com mais afinco. Além do desejo do inimigo isso vai mexer com o ego deles e fará com que eles se esforcem grandemente para te destruir. Coloque os hinos numa altura agradável e os teus vizinhos vão ficar curiosos com o que você está ouvindo e vão até prestar atenção na mensagem. Seja simpático e prestativo com os teus vizinhos, cumprimentando-os sempre, mas não se deixe ficar muito íntimo.
Não abandones o teu amigo, nem o amigo de teu pai; nem entres na casa de teu irmão no dia de tua adversidade. Mais vale um vizinho que está perto do que um irmão que está longe. (Provérbios 27:10)
A GALINHA DO VIZINHO BOTA OVO AMARELINHO

Este ditado referente a inveja é antigo. A inveja é terrível. Mesmo que você ache que não tem nada para ser invejado sempre há um motivo: O teu sorriso, a tua alegria, o teu semblante, etc. O ser humano tem tendência a ser invejoso e o inimigo amplifica esse sentimento grandemente induzindo-o a destruir a vida do invejado.

Também vi eu que todo o trabalho, e toda a destreza em obras, traz ao homem a inveja do seu próximo. Também isto é vaidade e aflição de espírito. (Eclesiastes 4:4)
O coração tranquilo é a vida da carne; a inveja, porém, é a podridão dos ossos. (Provérbios 14:30)
VIGIE

Cuidado com os presentes. Lembre-se da história da Branca de Neve com a maçã enfeitiçada. Receba de bom grado, agradeça, mas não coma.

AME

Devemos amar a todos, inclusive os nossos inimigos e perseguidores. Devemos orar por eles, não desejando o seu mal, mas entregá-los nas mãos de Deus para que ele faça a sua vontade.
Eu, porém, vos digo: Amai aos vossos inimigos, e orai pelos que vos perseguem; para que vos torneis filhos do vosso Pai que está nos céus; porque ele faz nascer o seu sol sobre maus e bons, e faz chover sobre justos e injustos. Pois, se amardes aos que vos amam, que recompensa tereis? Não fazem os publicanos também o mesmo? (Mateus 5:44-46)
Embora desejando que todos se convertam, nem todos são de salvação. Há também os que se convertem e Deus logo os leva para que não se percam. Por isso apresente todos os teus perseguidores ao Senhor nas tuas orações e deixe que ele faça o melhor para ti. Confie nele e ele tudo fará.

Deus abençoe,
R. S. Chaves






quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

NÃO JULGUEIS, PARA QUE NÃO SEJAIS JULGADOS

NÃO JULGUEIS, PARA QUE NÃO SEJAIS JULGADOS
Leia pouco e aprenda muito



Cuidado irmão! Jesus é o verdadeiro Pastor. Há pessoas na igreja que não conseguem parar de pecar pois ainda não estão totalmente libertos. Lembre-se que não estamos lutando contra a carne, mas contra as potestades do mal. Há algumas maldições que têm que ser tratadas com especial cuidado. Quem nos dá a fórmula correta é o Espírito Santo. Nem todos os que aceitam Jesus têm a libertação completa no momento em que o aceitam.
Não julgueis, para que não sejais julgados. Porque com o juízo com que julgais, sereis julgados; e com a medida com que medis vos medirão a vós. E por que vês o argueiro no olho do teu irmão, e não reparas na trave que está no teu olho? Ou como dirás a teu irmão: Deixa-me tirar o argueiro do teu olho, quando tens a trave no teu? Hipócrita! Tira primeiro a trave do teu olho; e então verás bem para tirar o argueiro do olho do teu irmão. (Mateus 7:1-5)
Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! Entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus. Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? E em teu nome não expulsamos demônios? E em teu nome não fizemos muitos milagres? Então lhes direi claramente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniquidade. (Mateus 7:21-23)
Quem está alertando sobre julgamento é o Pastor dos pastores. Se uma ovelha está doente o pastor não a expulsa do rebanho, o bom pastor cuida dela. Jesus não expulsou Judas Iscariotes, mesmo sabendo que estava em pecado. Jesus também diz:

Deixai crescer ambos juntos até a ceifa; e, por ocasião da ceifa, direi aos ceifeiros: Ajuntai primeiro o joio, e atai-o em molhos para o queimar; o trigo, porém, recolhei-o no meu celeiro. (Mateus 13:30)
Todo o que o Pai me dá virá a mim; e o que vem a mim de maneira nenhuma o lançarei fora. (João 6:37)
Onde está a misericórdia? Onde está o amor? Há quem queira expulsar um membro por ter ido à praia, ou por alguém ter dito que o viu tomar um copo de cerveja. Cuidado! Nem sempre as coisas são o que parecem. Quantas almas já se perderam por tão pouco. Devemos ser pescadores de almas, não caçadores.

Deus abençoe,
R. S. Chaves





terça-feira, 6 de dezembro de 2016

VOLTOU… SE CONFESSE

VOLTOU… SE CONFESSE


Quem já foi evangélico e retorna para Jesus não é mais novo convertido. Todos os pecados praticados durante o afastamento devem ser confessados para Deus. Se você não se lembra de tudo, peça a ele para te lembrar. Isto é muito importante, pois pecado praticado e não confessado não alcança o perdão de Deus. Consequentemente o crente irá para o julgamento junto com os ímpios.
Mas tu, quando orares, entra no teu quarto e, fechando a porta, ora a teu Pai que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará. (Mateus 6:6)
Os pecados devem ser confessados para Deus. Peça perdão de todos os pecados somente para Deus. Se pecou contra alguém em particular, em particular peça perdão para ele. Se pecou contra a igreja, somente aquele pecado deve ser pedido perdão para a igreja.
Eu, porém, vos digo que todo aquele que se encolerizar contra seu irmão, será réu de juízo; e quem disser a seu irmão: Raca, será réu diante do sinédrio; e quem lhe disser: tolo, será réu do fogo do inferno. Portanto, se estiveres apresentando a tua oferta no altar, e aí te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti, deixa ali diante do altar a tua oferta, e vai conciliar-te primeiro com teu irmão, e depois vem apresentar a tua oferta. Concilia-te depressa com o teu adversário, enquanto estás no caminho com ele; para que não aconteça que o adversário te entregue ao guarda, e sejas lançado na prisão. Em verdade te digo que de maneira nenhuma sairás dali enquanto não pagares o último ceitil. (Mateus 5:22-26)
Está doente algum de vós? Chame os anciãos da igreja, e estes orem sobre ele, ungido-o com óleo em nome do Senhor; e a oração da fé salvará o doente, e o Senhor o levantará; e, se houver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados. Confessai, portanto, os vossos pecados uns aos outros, e orai uns pelos outros, para serdes curados. A súplica de um justo pode muito na sua atuação. (Tiago 5:14-16)

Não basta voltar para a igreja. Você tem que confessar todos os pecados. Mas cuidado, não exponha toda a tua vida aos irmãos. Reconcilie-se com Deus. Tenha paz com ele. Tenha a certeza da salvação no teu coração. Se tiver dúvidas, Deus é fiel amigo para te responder. Seja feliz com Jesus.

Deus abençoe,
R. S. Chaves





segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

ORAI SEM CESSAR

ORAI SEM CESSAR
Leia pouco e aprenda muito


Acordou? Ore. Vai almoçar? Ore e apresente a tua refeição ao Senhor, pois se houver algum mal nela o Senhor vai revelar ou te livrar. Fez compras? Ore e apresente ao Senhor as tuas compras, pedindo a sua unção e a sua benção. Vai dormir? Ore. Acordou de madrugada? Ore. Vai sair? Ore pelo teu trabalho, ore pelo teu patrão, ore pela empresa em que você trabalha. Ore pelo teu estudo, ore pelo teu professor ou professora. Ore pela tua família, pelo teu bairro, tua cidade, teu país. Vai voltar para casa? Ore.
Parece um exagero? Não é. É uma necessidade. O crente tem que estar ligado nos céus, e essa ligação é através da oração.

“Orai sem cessar.” (1 Tessalonicenses 5:17)
Está aflito alguém entre vós? Ore. Está alguém contente? Cante louvores. Está doente algum de vós? Chame os anciãos da igreja, e estes orem sobre ele, ungido-o com óleo em nome do Senhor; e a oração da fé salvará o doente, e o Senhor o levantará; e, se houver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados. Confessai, portanto, os vossos pecados uns aos outros, e orai uns pelos outros, para serdes curados. A súplica de um justo pode muito na sua atuação.” (Tiago 5:13-16)
As nossas orações têm resposta mais rápida e mais eficácia quando oramos pelos nossos irmãos em Cristo. Por isso a bíblia nos exorta a orarmos uns pelos outros. Devemos orar sempre pelos nossos pastores, pelos obreiros, por livramento de pessoas de má índole, etc. Ore para que o preletor não fale de si mesmo, mas que a palavra venha inspirada pelo Espírito Santo.

"Finalmente, irmãos, orai por nós, para que a palavra do Senhor se propague e seja glorificada. Como também o é entre vós, e para que sejamos livres de homens perversos e maus; porque a fé não é de todos." (2 Tessalonicenses 3:1-2)
Quando você acordar de madrugada e perder o sono é porque o Espírito Santo quer que você ore. Ore pelos teus perseguidores, nunca deseje o mal para quem quer que seja. Lembre-se: não estamos lutando contra a carne, mas contra as potestades do mal.

"Eu, porém, vos digo: Amai aos vossos inimigos, e orai pelos que vos perseguem;" (Mateus 5:44)
Devemos orar também para não cairmos em tentação.

"Quando chegou àquele lugar, disse-lhes: Orai, para que não entreis em tentação." (Lucas 22:40)
Você deve ter muito cuidado nas intercessões, procurando fazer também um jejum além das orações, para que o inimigo não venha tocar em ti ou na tua família.

"Respondeu-lhes: Esta casta não sai de modo algum, salvo à força de oração e jejum." (Marcos 9:29)
Em suma, o crente que não vive em oração está sujeito às armadilhas do inimigo, em risco de cair em tentação. Ore e vigie. Seja um vencedor em Jesus.

Deus abençoe,

R. S. Chaves








sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

NINGUÉM DÁ O QUE NÃO TEM

NINGUÉM DÁ O QUE NÃO TEM
Leia pouco e aprenda muito


Como você vai ensinar se não aprendeu ainda? Tudo tem o seu tempo e o seu propósito. Se você foi chamado para a obra, tenha paciência, a experiência só vem com o tempo. Ninguém deve começar pelo topo, pois toda árvore tem que ter raízes firmes e fortes para poder crescer sem cair.
Fiel é esta palavra: Se alguém aspira ao episcopado, excelente obra deseja. É necessário, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma só mulher, temperante, sóbrio, ordeiro, hospitaleiro, apto para ensinar; não dado ao vinho, não espancador, mas moderado, inimigo de contendas, não ganancioso; que governe bem a sua própria casa, tendo seus filhos em sujeição, com todo o respeito (pois, se alguém não sabe governar a sua própria casa, como cuidará da igreja de Deus?); não neófito, para que não se ensoberbeça e venha a cair na condenação do Diabo. Também é necessário que tenha bom testemunho dos que estão de fora, para que não caia em opróbrio, e no laço do Diabo. Da mesma forma os diáconos sejam sérios, não de língua dobre, não dados a muito vinho, não cobiçosos de torpe ganância, guardando o mistério da fé numa consciência pura. E também estes sejam primeiro provados, depois exercitem o diaconato, se forem irrepreensíveis. (1 Timóteo 3:1-10)
Neófito quer dizer recém-convertido; Todo crente que é chamado para a obra, Deus prepara antes de usá-lo plenamente, e a forma de preparo é tribulação.
E não somente isso, mas também gloriemo-nos nas tribulações; sabendo que a tribulação produz a perseverança, e a perseverança a experiência, e a experiência a esperança; e a esperança não desaponta, porquanto o amor de Deus está derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado. (Romanos 5:3-5)
José sofreu como escravo, mas ganhou grande experiência para saber governar o Egito. Jacó sofreu com o seu sogro mas também ganhou muita experiência. Davi foi ungido rei, mas demorou para receber a coroa. Moisés antes de ser chamado passou quarenta anos em Midiã. Seja primeiramente o pastor da tua família, trate a tua família com amor e carinho, leia bastante a bíblia, ore e medite. Peça a Deus para te dar sabedoria e compreensão da sua palavra. Seja um exemplo para a tua família, vizinhos, colegas de trabalho, colegas de estudo, etc. Exercite a fé e no momento certo Deus vai te colocar na posição que ele quer.

Deus abençoe,
R. S. Chaves






quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

ADVOGADO FIEL

ADVOGADO FIEL
Leia pouco e aprenda muito


Imagine você num tribunal, sabendo que é culpado e sem advogado para defendê-lo. Assim será com àqueles que não aceitarem Jesus como único e suficiente salvador das suas almas e também com àqueles que o aceitarem mas persistirem em continuar pecando.
“Meus filhinhos, estas coisas vos escrevo, para que não pequeis; mas, se alguém pecar, temos um Advogado para com o Pai, Jesus Cristo, o justo.” (1 João 2:1)
Além de advogado junto ao tribunal do Pai, ele é o nosso sumo sacerdote, nosso Rei e nosso Senhor. 
Assim também Cristo não se glorificou a si mesmo, para se fazer sumo sacerdote, mas o glorificou aquele que lhe disse: “Tu és meu Filho, hoje te gerei”; como também em outro lugar diz: “Tu és sacerdote para sempre, segundo a ordem de Melquisedeque.” (Hebreus 5:5-6)”
Quem intentará acusação contra os escolhidos de Deus? É Deus quem os justifica; Quem os condenará? Cristo Jesus é quem morreu, ou antes quem ressurgiu dentre os mortos, o qual está à direita de Deus, e também intercede por nós; (Romanos 8:33-34)
A Bíblia também nos exorta a temermos e tremermos: 
Servi ao Senhor com temor, e regozijai-vos com tremor. (Salmo 2:11)
Adorai ao Senhor na beleza da santidade; tremei diante dele toda a terra. 
(Salmo 96:9)
Digo-vos, amigos meus: Não temais os que matam o corpo, e depois disso nada mais podem fazer. Mas eu vos mostrarei a quem é que deveis temer; temei aquele que, depois de matar, tem poder para lançar no inferno; sim, digo, a esse temei. 
(Lucas 12:4-5)
O Senhor reina, tremam os povos; ele está entronizado sobre os querubins, estremeça a terra. (Salmo 99:1) 

Você pode até ter vivido sem Jesus, mas não queira morrer sem aceitá-lo, senão irá para o Tribunal sem advogado. Não deixe para amanhã, lembre-se: Para morrer basta estar vivo. 

Deus abençoe,
R. S. Chaves

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

FAZEI PROVA DE MIM

FAZEI PROVA DE MIM
Leia pouco e aprenda muito


Quando for entregar o teu dízimo na igreja não deixe de orar a respeito dele. É Deus quem manda pedirmos fazer prova dele neste assunto.
Roubará o homem a Deus? Todavia vós me roubais, e dizeis: Em que te roubamos? Nos dízimos e nas ofertas alçadas. Vós sois amaldiçoados com a maldição; porque a mim me roubais, sim, vós, esta nação toda. Trazei todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja mantimento na minha casa, e depois fazei prova de mim, diz o Senhor dos exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu, e não derramar sobre vós tal bênção, que dela vos advenha a maior abastança. Também por amor de vós reprovarei o devorador, e ele não destruirá os frutos da vossa terra; nem a vossa vide no campo lançará o seu fruto antes do tempo, diz o Senhor dos exércitos. E todas as nações vos chamarão bem-aventurados; porque vós sereis uma terra deleitosa, diz o Senhor dos Exércitos. (Malaquias 3:8-12)
Há quem diga que com o novo sacerdócio não é mais necessário entregar o dízimo, é um equívoco, pois a partir do momento em que a igreja está pedindo os dízimos este pedido é confirmado pelo Senhor, pois ele deu autoridade às igrejas para fazê-lo (Mt 18:18).
Ao entregar o dízimo você cumpre o mandado do Senhor e não fica em débito. Mas se você quer que as promessas de Deus se cumpram na tua vida, no momento em que for entregar o dízimo deve orar e pedir a ele para que realmente a sua palavra se cumpra.

Exemplo de oração:

Senhor, de acordo com a tua palavra estou entregando o meu dízimo na tua casa. A tua palavra diz que ao entregá-lo devo fazer prova de ti. Por isso te peço para que a tua palavra se cumpra na minha vida, abra as janelas do céu e derrama as tuas bençãos sobre mim. Repreenda o devorador e que haja abastança na minha casa e na minha vida. Amém.
Por outro lado os obreiros também devem orar pelas ofertas e dízimos para que Deus confirme as suas bençãos sobre o seu povo.

Deus abençoe,
R. S. Chaves